Evocando Saramago

No dia 7 de novembro, a Biblioteca da escola recebeu a aluna Leonor Gomes do 11ºC que fez uma apresentação aos seus colegas, também de 11º ano, sobre o livro Ensaio sobre a Cegueira de José Saramago, no âmbito da celebração do centenário do mesmo autor.

Nesta apresentação, a aluna falou-nos um pouco da vida de Saramago e das suas expectativas antes de ter lido Ensaio sobre a Cegueira (primeiro livro  que leu do autor). Além disso, ainda nos falou da história da obra, da sua opinião final sobre o livro e aquilo que este lhe transmitiu.

De seguida, foi mostrado aos alunos um pequeno trailer do filme baseado no livro apresentado pela aluna, para incentivar os mesmos a vê-lo. 

Foi assim que se celebrou na nossa escola o grande autor que elevou a língua portuguesa!

Muitos parabéns à Leonor pelo seu desempenho!

Encontro com a escritora Victoria Hislop

This slideshow requires JavaScript.

No dia 8 de novembro, a turma do 11.º C teve a oportunidade de entrevistar a escritora inglesa Victoria Hislop, em parceria com alunos gregos da escola secundária n.º 2 de Ágios Nikolaos, durante um encontro onlineque decorreu no pequeno auditório da nossa escola.

Durante esta entrevista, a autora começou por falar sobre a sua relação íntima com a Grécia, país onde sempre se sentiu compreendida e em casa. Em contrapartida, Victoria referiu que não se sentia do mesmo modo no seu país de origem (Inglaterra), já que lá são todos muito reservados e ela não se identifica, particularmente, com essa forma de estar. Assim, esta é uma das razões pelas quais Victoria se inspira tanto na Grécia para escrever os seus livros.

Posteriormente, a autora ainda falou sobre algumas das suas obras, entre as quais A Ilha Uma Noite de Agosto, e também sobre algumas das suas personagens, explicando como ocorria o seu processo de criação e posterior desenvolvimento.

No final da sessão, Victoria fez ainda questão de realçar que teria muito gosto em conhecer Portugal. Claro que seria um gosto recebê-la!

Leonor Gomes, n.º 14, 11.ºC

 

Comemorações do centenário de nascimento de José Saramago

This slideshow requires JavaScript.

No âmbito das comemorações do Centenário de Nascimento de José Saramago, a Biblioteca Escolar está a dinamizar várias iniciativas para celebrar a vida e obra deste ilustre escritor português.

Ao longo do mês de novembro estão a ser promovidas sessões de conto nas turmas do 4º ano de escolaridade do agrupamento de escolas. Cada sessão inicia com uma breve abordagem à vida e obra do escritor, seguindo-se o conto da obra “A Maior Flor do Mundo” e o visionamento da curta-metragem animada desta obra. Esta atividade conta ainda com a participação dos alunos num quizz e numa oficina de ilustração.

Tem sido evidente o interesse dos alunos pela célebre obra.

Na escola sede foram igualmente dinamizadas algumas atividades de evocação do nascimento de José Saramago.

A aluna Leonor Gomes, do 11º C, no âmbito da disciplina de Português, no passado dia 7, procedeu a uma excelente apresentação a três turmas de 11º ano, na biblioteca escolar, sobre a obra “O ensaio sobre a cegueira”. Esta atividade foi concluída com o visionamento do trailler do filme que adapta esta obra de Saramago ao cinema, intitulado “Blindness”. Refira-se que este filme, tal como “José e Pilar, integra a mostra cinematográfica selecionada pela equipa escolar do Plano Nacional de Cinema, disponibilizada para projeção na biblioteca escolar.

Em parceria com as bibliotecas escolares da EB2/3 Padre António Luís Moreira e da EBS Sophia de Mello Breyner, no passado dia 11, a nossa biblioteca participou numa e-atividade conjunta de evocação de Saramago com as referidas escolas. Durante 45 minutos, os alunos partilharam leituras do referido escritor, de géneros literários distintos, tendo participado diferentes alunos da turma do 6º B.

Por fim, os alunos da “Banda sem nome” que integram o projeto “Sim, somos capazes”, liderados pelo docente Luís Baião, cantaram o poema de Saramago “Não me peçam razões”.

A biblioteca escolar contou ainda com uma sessão sobre o autor, dinamizada por um elemento da Fundação José Saramago, Idália Tiago, no passado dia 21, destinada aos alunos de 12º ano, tendo como tema a vida e obra de Saramago.

Um agradecimento especial aos docentes Clementina Silva, Cristina Freitas e Luís Baião Paula Morais, aos restantes docentes participantes nas atividades, bem como à equipa da biblioteca escolar.

Somos “Escola a Ler”

Este projeto foi abraçado pelo Agrupamento de Escolas de Canelas e a sua implementação é da responsabilidade das duas bibliotecas do agrupamento, que encontram nos docentes extraordinários aliados nesta aposta na leitura no âmbito do Plano Plano Escola + 21|23. Esta ação visa trabalhar a leitura de forma sistemática, estruturada e diversificada e constituir uma rede colaborativa de trabalho e partilha, no âmbito desta medida.

Atividades a dinamizar no nosso agrupamento até 31 de julho de 2023,

1. As atividades a implementar são as que constam do Plano Escola+ 21|23, a saber:

1. Leitura orientada 
Realização de atividades que proporcionem o contacto dos alunos com livros que os motivem e estimulem a prática regular e continuada da leitura e da escrita: uma hora por dia no primeiro ciclo do ensino básico e uma hora por semana no segundo ciclo do ensino básico.

2. Projeto Pessoal de Leitura 
Desenvolvimento de projetos individuais de leitura que explicitem objetivos de leitura e impliquem o contacto com temas comuns em obras, em géneros e em manifestações artísticas diferentes (obras escolhidas em contrato de leitura com o(a) professor(a)).

3. Tempo para ler e pensar!
Leitura e exploração de livros, jornais, revistas e/ ou outros materiais de leitura na biblioteca escolar em articulação com docentes de diferentes áreas curriculares, com periodicidade e tempo estipulados (desejavelmente mensal, em cada turma).

4. Vou levar-te comigo!
Dinamização periódica de sessões de requisição domiciliária na biblioteca escolar, em articulação com os docentes da turma e com recurso a estratégias motivadoras.

5. Livr’ à mão
Leitura silenciosa de um livro que o aluno traz sempre consigo.
A atividade e respetiva seleção de livros é organizada pela biblioteca e desenvolve-se de forma articulada com o professor titular de turma/ professor de português, recorrendo ao livro do projeto “10 minutos a Ler”.

6. Equipas de leitura
Seleção de alunos com bom desempenho leitor, disponíveis para prestarem apoio aos alunos/ colegas na dinamização de sessões regulares de leitura.
Orientação das sessões e preparação das atividades de leitura pelo professor bibliotecário e/ou outros docentes.

Resposta a «Carta para Josefa, minha avó» de José Saramago

Resposta a «Carta para Josefa, minha avó» de José Saramago

Paraíso, 24 de março de 1968

 

      Querido Zezinho,

 

      As tuas palavras tocaram-me de tal forma que era inevitável deixar-te a pensar que são verdade.

   Sei que tens noção de que não tive capacidade para, juntos, vivermos mais e melhor; contudo, nunca pus em questão o teu amor por mim. Compreendo que não percebas a forma como vivi no meu mundo, o quão feliz fui assim. Afinal de contas, não nasceste nem cresceste nele. No entanto, uma coisa eu posso afirmar – embora tudo o que tenha feito aí em baixo não tenha sido tão importante, quanto os vossos trabalhos -, tenho o privilégio de poder dizer que, até aos meus últimos dias, fiz aquilo de que realmente gostava. É também uma verdade que a nossa comunicação não foi a melhor e que não tivemos muitos dos momentos de avó e neto que idealizaste, através do que observavas das famílias modernas, da cidade. Ainda assim, a forma como corrias para mim e o sorriso que contigo trazias rapidamente superavam o que qualquer outra família poderia sentir. Talvez nunca tenhas interpretado dessa forma, mesmo que, para mim, não haja uma melhor maneira de o descrever.

   Como sabes, não poderia ter sido eu a escrever esta carta, mesmo desejando-o muito; todavia, tudo o que está aqui escrito foi pensado e sentido somente por mim.

 

Beijinhos repletos de saudades,

A tua avó Josefa

Texto feito por: Catarina Teixeira 10.º C